Promoção
Avenue e The Student Hotel investem €87M no Porto
Situado no quarteirão D. João I, o novo empreendimento Bonjardim vai incluir 93 novos apartamentos e um hotel de conceito híbrido com 280 quartos.
Avenue_Bonjardim_1.jpg

O empreendimento Bonjardim é a mais recente aposta da Avenue na baixa do Porto, que representa um investimento de 57 milhões de euros da promotora, além de 30 milhões de euros a cargo do parceiro hoteleiro The Student Hotel.

Assinado pela Promontório, o Bonjardim vai promover a reabilitação quase integral do quarteirão D. João I, recuperando as fachadas pré-existentes da rua Sá da Bandeira e da rua Formosa, alargando a travessa do Bonjardim para melhoria do percurso pedonal. Serão construídos de 5 novos blocos de edifícios, que incluem habitação, retalho e hotelaria, e será criada uma praça central de utilização pública com 2.502 m². A área bruta de construção é de 28.032 m² acima do solo.

Para este espaço chegou a estar pensado o Bonjardim City Block, que não avançou. Para Aniceto Viegas, Diretor Geral da Avenue, «o Bojnardim é uma oportunidade única para requalificar um quarteirão importante do centro do Porto e contribuirá para a dinamização da Rua Sá da Bandeira e da Praça D. João I».

Acredita que «este projeto, que está há várias anos para ser desenvolvido, trará uma diversidade de usos importante para o centro da cidade. A Avenue reforça assim o seu investimento no Porto, após o Aliados 107e o V Porto», recorda.

A componente habitacional inclui 93 apartamentos com tipologias T0 a T4, entre os 35 e os 192 m², além de um conceito de “branded residences” do The Student Hotel, com cerca de 30 apartamentos, avança a empresa ao JN. 13.244 m² dizem respeito a habitação, e 2.339 m² à residência do The Student Hotel.

O projeto vai ainda incluir 16 lojas nos pisos térreos, num total de 3.560 m², e um hotel de 4 estrelas e 280 quartos, também explorado pelo The Student Hotel, com 11.228 m², seguindo o modelo híbrido da marca, que vai incluir alojamento turístico, para estudantes, salas de eventos e espaços de coworking, por exemplo.

A área de estacionamento é de 20.873 m² e inclui zona de uso público.

Os terrenos do quarteirão da Casa Forte, onde será desenvolvido o Bonjardim, foram comprados ao AF Portfolio Imobiliário e ao Imopromoção, fundos geridos pela Interfundos. A JLL intermediou este negócio.

Gonçalo Santos, Head of Development da JLL, comenta que «o Bonjardim é uma oportunidade única para desenvolver de raiz um empreendimento que vai criar uma nova centralidade habitacional e de serviços no casco histórico do Porto e, como tal, fazendo deste um dos mais apetecíveis projetos para promoção imobiliária disponíveis no mercado. Não surpreende, por isso, que ao longo deste tempo tenhamos sentido um elevado interesse do lado dos investidores, o que se refletiu num processo de venda fortemente competitivo que nos deu uma enorme satisfação acompanhar».

O arranque da comercialização do Bonjardim está previsto já para abril, e deverá ser concluído no terceiro trimestre do próximo ano.

Fonte: Vida Imobiliária