Habitação
Preços das casas sobem 0,6% em janeiro
Os preços da habitação mantêm uma tendência de estabilização, com uma subida mensal de 0,6% em janeiro, e de 4,1% face ao ano passado.
casas habitação-1[1].jpg

No mês de janeiro, o preço de venda das casas em Portugal (Continental) registou uma subida de 0,6%, face ao mês anterior, mantendo a nota de estabilidade que se tem registado desde o início da pandemia.

De acordo com os números agora divulgados pela Confidencial Imobiliário, no âmbito do Índice de Preços Residenciais, quase um ano depois do início da pandemia de Covid-19, o mercado da habitação tem registado valorizações mensais até 1%, entrando em terreno negativo apenas em julho e setembro, com contrações de 0,2% e 2,1%, respetivamente.

Reflexo da tendência de estabilização dos preços na variação em cadeia, a valorização homóloga tem vindo a perder o seu ritmo, segundo a Ci. No mês passado, os preços das casas registaram uma subida homóloga de 4,1%, face a janeiro de 2020, mais de 13% abaixo da variação registada nesse mesmo mês do ano passado.

Segundo o Sistema de Informação Residencial – SIR, da Ci, em janeiro, e considerando um período acumulado de 3 meses, o preço médio de venda da habitação em Portugal Continental fixou-se nos 1.615 euros/m². Neste período, o tempo médio de venda da habitação no país rondava os 6 meses.